sábado, 7 de janeiro de 2012

A primeira da Divisão 1 em Tarumã

O dia 30 de Setembro de 1973 foi muito aguardado pelos amantes da velocidade no Rio Grande do Sul. A primeira apresentação da Divisão 1 em Tarumã trouxe muitas atrações, como o duelo entre o Ford Maverick V8 (4950 cc) e o Opala 250S (4098 cc), os duelos nas categorias menores com Chevette, Brasília, Fusca, Corcel, Polara, etc e a expectativa em relação à possibilidade de vitória de Clóvis de Moraes, que poucas semanas antes havia conquistado a vitória nas 25 Horas de Interlagos a convite da dupla Bird e Nilson Clemente.

Para a prova gaúcha, denominada 6 Horas de Tarumã - resposta do último Desafio, Bird, além de Clóvis, teria Ismael Chaves Barcellos na pilotagem do Maverick verde e amarelo. Outra força local na classe de maior cilindrada era o Opala de Pedro Carneiro Pereira e José Asmuz.

O Maverick do trio Bird/Clóvis/Ismael, como era esperado, liderou parte da prova, mas acabou tendo problemas, sendo ultrapassado por outro Maverick, o da Hollywood, pilotado por Luiz Pereira Bueno e José Renato Catapani, fazendo assim a dobradinha da Ford. O melhor Opala foi o de Asmuz e "Pedrinho", que concluía sua última prova antes de seu acidente fatal, dias depois.

Abaixo alguns registros da prova mostrando também os vencedores das Classes A, Victor Steyer, Cláudio Mueller e Luigi Smaldido, com Chevette (foto do pódio), o segundo na A, Luiz Gustavo Tarragô de Oliveira, Luiz Carlos Ribas e Vandernei Simões (Corcel #14), os vencedores na B, Breno Job Freire, Jorge Truda e Paulo Nienaber (Dodge #71), além dos Opalas #7 de Jan Balder e Bob Sharp (5º na Classe) e o #22 de "Pedrinho" e Asmuz.






Fonte das imagens: arquivos Luiz Oliveira, Roberto Freire e Enciclopédia do Automóvel.

10 comentários:

André Candreva disse...

Leandro,

mais um show de imagens do nosso automobilismo...

quanta saudade desse tempo ai...

valeu

Carlos Alberto Petry disse...

Apenas um reparo, o Dodge que competiu na divisão 1, nos primeiros anos desta categoria não era o Polara, era o 1800, a nomenclatura Polara só apareceu nas pistas em 1976, com um substancial aumento de potência em relação ao antecessor, o Dodge 1800.

Elemar Altermann disse...

isto era lindo ver o carro que tinhamos em nossa garagem na pista

elemar altermann sta cruz do sul rs

Carlos Alberto Petry disse...

O detalhe referido pelo Elemar, fazia também que houvesse torcida, eram por ex emplo, proprietários de Passat, torcendo para pilotos que corria com carros desta marca, o mesmo acontecendo com proprietários de Dodge, torcendo para pilotos que corriam com estes carros.

Elemar Altermann disse...

com certeza moria torcendo junto ao churrasco com meu passat ts

Carlos Alberto Petry disse...

Pois é Elemar, em 1976, o Aroldo Bauermann e eu ganhamos a primeira prova de um Passat TS no Brasil, era uma prova de Campeonato Brasileiro em Tarumã.

Elemar Altermann disse...

eu era teo fa e estava nesta prova pois tenho um amigo com o mesmo nome aqui em sta cruz e tambem gosta muito de automobilismo

Carlos Alberto Petry disse...

Este amigo que referes, seria o Carlos Alberto Petry, advogado da Mercur?

Elemar Altermann disse...

ele mesmo

c disse...

Elemar, faz contato comigo pelo e-mail: assessorlegis@yahoo.com.br