domingo, 11 de abril de 2010

Scuderia Galgos Brancos

Na última sexta me encontrei com o amigo Maurano. Fazia tempo que vinhamos tentando nos conhecer pessoalmente. O Maurano sugeriu uma visita ao Café-Bar Galgos Brancos e lá encontramos o proprietário Júlio Andreatta Neto e seu pai Luiz Fernando Andreatta. O papo estava ótimo, o lugar excelente e vale a pena a visita. O Júlio convida quem quiser assistir aos Grandes Prêmios de Fórmula 1 - aqueles que forem durante o dia - para passar lá enquanto se toma um café acompanhado de um ótimo sanduíche. Gostei demais do lugar. Na decoração é fácil ver várias fotos da família Andreatta em ação, os troféus e outros objetos. O endereço e mais informações vocês podem ver clicando aqui. Certamente vocês serão muito bem recebidos pelo Júlio e vão se sentir em casa. Desejo aqui todo o sucesso ao empreendimento, que tenha vida longa e que seja um ponto de encontro de todos os automobilistas de todas as gerações.



Fonte das imagens: Café-Bar Galgos Brancos.

8 comentários:

granito disse...

Tai uma Scuderia que fez historia no automobilismo gaucho e brasileiro , meu avô , q era gaúchoi , falava dos galgos brancos. Tenho umas fotos das carreteiras pintadas com os galgos em verde amarelo e já vi uma vez aqui em Interlagos, acho que era réplica, .
Hoje citaram o blog do sanco no Speed Channel no blog racing day.
Um abraço

Granito disse...

Alias Sanco parabéns pelo relato emocionado seu durante o programa, sintetiza o que eu e provavelmente muita gente sente sobre o automobilismo...
e parabéns ao speed por estes 10 fantaaasticos programas sobre o automobilismo brasileiro.

Roberto Giordani. disse...

Obrigado pela indicação da visita. Sem dúvidas, quando tivermos oportunidade de ir, será um grande prazer falar não somente com o Júlio Neto, mas também com o Luiz Fernando que é nosso companheiro a muito tempo.
Uma ótima semana a ti e todos blogueiros.

Rafael Dias Santos disse...

Engraçado, sexta de noite eu também fui conhecer o Galgos, fiquei por la uns 40 min antes de entrar na Dublin, tomando umas e comendo. Só não pedi um cardápio de recordação porque a cara-de-pau não foi grande o suficiente.

Francis Henrique Trennepohl disse...

Sensacional o bar!!! Minha próxima ida pra POA é lá mesmo que eu vou.
Abraço

Rui Amaral Lemos Jr disse...

É uma bonita parte da história de nosso automobilismo.

Abs

Rui

luiz borgmann disse...

Naquela 12 horas de Porto Alegre, anos 60, circuito Cavalhada-Vila Nova, fiquei ali na curva do posto de gasolina, proximo ao Instituto Santa Luzia. Com o sereno e a garoa fina, lá pela madrugada um Fusquinha entrou quente demais naquela curva, escorregou e bateu violentamente, de lado, em um poste. Demorou para o piloto sair das ferragens. Se bem me recordo, era o Luiz Fernando Andreatta. Confirmem se estou certo. A propósito, alguns se referem a ele como "Camanga", por que o apelido?
luiz borgmann

Maurano disse...

Olá, Pessoal !

...Existem pessoas que nos dão o prazer de conviver e sexta feira passada pude desfrutar de ótimos momentos na companhia de algumas destas pessoas ao conhecer o "Bar Café Galgos Brancos". Pude, enfim, conhecer pessoalmente meu amigo Sanco e também bater um papo longo e prazeroso com o Julio Andreatta Neto e o Luiz Fernando Andreatta.
Deixo aqui minha recomendação do local para quem quiser visitar um autêntico PUB temático especialmente aos apaixonados por automobilísmo.

Abraço,

Maurano